Latim volta a ser popular nas escolas e universidades da Alemanha

DW.DE – A “língua morta” é o terceiro idioma estrangeiro mais estudado nas escolas alemãs, atrás do inglês e do francês. Defensores dizem que o latim estimula o pensamento lógico e facilita o aprendizado de novas línguas.
O Johanneum é a mais antiga e tradicional escola de Hamburgo. Atrás das grossas paredes de tijolo do prédio construído no século 19, as línguas antigas sempre tiveram uma grande importância. Já a partir do quinto ano os alunos da escola de tradição humanista aprendem latim.

“Muitos pais escolhem o Johanneum porque querem uma educação especial para os filhos”, diz a professora Anna Schünemann, que há quatro anos leciona latim e alemão na instituição. Ela vê esse elitismo com olhos críticos. O latim, diz a professora, é muito mais do que apenas uma matéria com a qual os pais esperam dar aos filhos vantagens futuras. Ela conta que é professora de latim por amor ao idioma, uma afeição que ela tenta passar aos seus alunos.
O estudo do latim está em alta nas escolas da Alemanha. O idioma de Ovídio é a terceira língua estrangeira mais estudada no país, atrás apenas do inglês e do francês. Cerca de 800 mil jovens alemães aprendem latim.

A matéria continua AQUI.

Advertisements

Deixe seu comentário aqui

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s