A missa tridentina na minha vida: “o Senhor teu Deus está presente, adorai!”

NOTA: Como havíamos pedido na nossa página para que as pessoas enviássem-nos os seus testemunhos contando como é a Missa Tridentina em suas vidas, eis o nosso primeiro texto. 

Fotos do Congresso Motu Proprio Sumorum Pontificum, Missa de encerramento e outras celebrações

Por Lucas R Guimarães

Falarei da minha segunda vez que tive o privilégio de assistir a missa assistida por tantos santos.

Era primeiro domingo do advento e eu estava de viagem à São Paulo para ver a corrida de fórmula 1. Como não tinha ido a missa, decidi ir ao Mosteiro de São Bento pelo menos para II Vésperas do Domingo. Terminado o ofício divino, com o belíssimo canto gregoriano e adoração e benção do Santíssimo Sacramento, fui informado pelo segurança que iria ter missa e decidi ficar.

Não estava adequadamente vestido, mas sendo uma oportunidade única, decidi sentar no último banco e ficar ali quietinho, sem chamar a atenção.

Começou o órgão e a procissão de entrada. Logo de início foi cantado o Asperge me, canto gregoriano que eu mais gosto. Fui aspergido e continuou a missa. Um rito diferente, mas ao mesmo tempo tão familiar. Os gestos, as posturas, aquele clima de contemplação único. Parecia que os céus se abriram e fomos arrebatados de algo tão simples, mas tão belo.

Na hora da consagração eu me tremia. Aquele silêncio, um verdadeiro ambiente de adoração. Poderia passar o resto de minha vida ali. Somente o tintilar dos sinos para romper o silêncio para nos advertir “veja, o Senhor teu Deus está presente, adorai”!

Infelizmente, não havia confessado então não pude comungar. Fiquei ajoelhado, fazendo meu ato de contrição e agradecendo desde já de ter presenciado mistério tão belo. Ao final, falei em oração “deixai agora teu servo ir em paz, pois meus olhos viram tua salvação”.

Quem diz que a missa tridentina é um conjunto de coisas velhas, com muitos ritos e cheio de pompa, está agindo de má-fé. Um bom católico, de coração aberto, ao assistir a este sacrifício tão belo entenderia de uma forma bem mais clara o grande tesouro que Jesus Cristo deixou a sua Igreja.

Em Jesus e Maria.

Advertisements

Deixe seu comentário aqui

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s